Vida de caminhoneiro: como manter a saúde na estrada



 

Dirigir se tornou um ato natural em uma era na qual existem mais automóveis nas ruas do que pessoas. Dessa forma, o fato de alguns motoristas passarem mais tempo em seus veículos do que em suas próprias casas não causa mais surpresa, principalmente quando tratamos dos caminhoneiros.

Contudo, essas viagens frequentes e as entregas com prazo de vencimento requerem do trabalhador jogo de cintura, resistência e acima de tudo, consciência de que manter a saúde em dia vem em primeiro lugar, mesmo na estrada.

Mas, nem sempre é assim. A rotina de passar muitas horas ao volante pode levar o caminhoneiro a ingerir apenas comidas impróprias, sofrendo posteriormente com a obesidade, hipertensão arterial e em casos mais graves, infarto. A alimentação errada, no entanto, não é o único problema.

LER se tornou também um dos principais inimigos dos motoristas que passam maior parte de suas vidas em seus automóveis. A lesão por esforço repetitivo pode ser causada tanto por uma falta de preparação física por parte do indivíduo que conduz o caminhão quanto pelo design inapropriado do veículo.

Pedais, banco, painel e volante devem ser totalmente compatíveis com o restante do veículo, de forma que ao dirigir o caminhoneiro sinta a perfeita sintonia em todo o automóvel. Caso contrário, o surgimento de dores nas costas e em outras articulações é inevitável.

Por isso, é bom sempre que possível (preferencialmente a cada duas horas) pausar o trabalho para fazer um alongamento e uma caminhada em volta do caminhão, assim como procurar dirigir com uma postura adequada, a fim de evitar possíveis problemas de coluna.

Evitar alimentos muito gordurosos e pesados também é uma boa forma de manter a saúde em dia, o que acaba influenciando em um bom desenvolvimento do trabalho e melhor rendimento e disposição diariamente. O corpo e a mente precisam estar em perfeita harmonia para que o caminhoneiro possa realizar suas tarefas com precisão e eficiência, logo, todo cuidado é pouco!

Com saúde não se brinca, então, que tal aderir um método de vida mais saudável com as dicas citadas?

Fonte: http://blogdocaminhoneiro.com/

 

Veja também:
10 dicas para caminhoneiros conviverem melhor com motoristas de carros
Confira 7 dicas de cuidados com o pneu do seu caminhão
Manutenção preventiva do escapamento do caminhão pode evitar gastos