10 dicas para caminhoneiros conviverem melhor com motoristas de carros



 

A convivência entre caminhoneiros e motoristas de carros é uma complicada via de mão dupla, onde um reclama do outro e todo mundo está certo e errado ao mesmo tempo. Para melhorar essa situação, preparamos 10 dicas que você não pode deixar de ler, antes de encarar a estrada.
 

1- Carros são mais rápidos

A ilusão de ótica pode enganar quando você olha seu retrovisor e avista um carro de longe; a impressão é que dá para fazer a mudança de faixa, mas, de repente ele pode estar junto ao seu caminhão, o obrigando a recuar da manobra. Por isso é recomendado que seja dada aquela segunda olhada para ter certeza de que dá para fazer a conversão.
 

2-  Carros nem sempre são ágeis

Você vem conduzindo a uma certa velocidade e avista bem lá na frente um carro na sua pista. Não chega a reduzir sua velocidade porque acredita que o motorista do carro irá acelerar, mas ele não faz isso. Só resta ter paciência, já que o veículo pode ser um modelo 1.0 ou estar com lotação máxima.
 

3- Eles não tem a mesma visão que você

O caminhoneiro tem uma visão privilegiada da pista do alto de sua cabine, o mesmo não pode se dizer dos motoristas de carros. Portanto, ajude ele sinalizando quando pode fazer uma ultrapassagem ou quando há um perigo que ele não vê.
 

4- A maioria não tem a habilidade de um profissional

Com certeza você já se deparou com essa situação: o carro dá seta e você segura para ele entrar, mas ele não entra; daí quando você desiste, ele entra! Não fique bravo, já que não dá para exigir que ele tenha a mesma habilidade de um caminhoneiro.

Vale lembrar que de acordo com o artigo 29 do Código de Trânsito Brasileiro, os veículos maiores são sempre responsáveis pela segurança dos menores.
 

5- Eles também estão cansados e estressados

Ninguém duvida que a vida de caminhoneiro não é nada fácil, e o motorista do carro também pode ter um perfil semelhante. A gente não consegue prever como foi o dia de quem está do outro lado, por isso não entre na provocação dele e mantenha sempre a calma.
 

6-  Nem todo mundo viaja a passeio

O termo “carro de passeio” pode soar genérico demais, pois muitos deles estão indo ou voltando do trabalho ou faculdade, e outros podem estar usando ele para fazer entregas, por isso eles também têm pressa ou um horário para cumprir.
 

7- Muitos estão levando a família

E assim como a sua, ela também é muito importante na vida do motorista; portanto não faça com ele o que você não gostaria que fizesse com a sua.
 

8- Nem todos conhecem os pontos cegos do caminhão

Aqui está uma assunto que deveria ser melhor abordado nas aulas de legislação da autoescola, mas enquanto não é estudado, o caminhoneiro tem que tomar o maior cuidado ao fazer suas manobras.
 

9- Sua faixa é a da direita e a deles é a esquerda

Em uma via de duas pistas, o caminhoneiro está livre para usar a da esquerda para fazer ultrapassagens, já nas de 3 ou mais, os caminhões, assim como os ônibus, devem se manter na direita e usar a segunda pista para a manobra.
 

10- Acredite: a maioria deles é gente boa

Por mais que você já tenha visto e vivenciado barbeiragens feita por eles no trânsito, muitos deles são pessoas do bem e que tem sua imagem prejudicada por uma minoria que comete erros. Então não os julgue, assim como você não gostaria que julgassem a classe inteira dos caminhoneiros por alguns profissionais.

 

Veja também:
15 pontos para a manutenção preventiva do seu caminhão
Dicas para estender a vida útil das peças de seu caminhão
5 dicas para caminhoneiros de primeira viagem